Santuários Sonoros

Este projeto visa a gravação de WebClipes de 14 peças de um recital com obras-primas do repertório da música erudita de várias épocas e estilos pelos músicos Gustavo Dias (violino) e Christhian Beschizza (violão), com convidados nas três músicas finais, Raphael Leal Gonçalves (violoncelo), Thiago Ayer (Viola) e Mikael Marcos Silva (percussão).

Reverberamos nossas transcrições autorais para violino e violão em três monumentos arquitetônicos significativos de Uberlândia, as igrejas Igreja São Cristóvão, Catedral Santa Terezinha e Igreja do Rosário. Para este projeto, visamos apresentar diversos períodos da História da Música, desde contrapontos barrocos de Bach e Pachelbel, o minimalismo de Satie e romantismo de Villa-Lobos, Brahms e Schubert, ressoando nos admiráveis santuários da cidade de Uberlândia.

O objetivo central da produção é dar continuidade e aprofundamento na cultura histórica da música erudita no cenário cultural de Uberlândia e região, destinando nossa produção dos WebClipes com enfoque didático inovador da inclusão de partituras sincronizadas à interpretação nos vídeos produzidos. Esse material será destinado para circulação nos Conservatórios da região e no Curso de Música da UFU, mas também continuará disponível na internet para a circulação aberta para a comunidade em geral e impulsionado nas redes.

Como objetivos secundários, desejamos estimular os alunos de música na apreciação e estudo do repertório erudito, promover e difundir a performance de música em duo de violino e violão, contribuir à cultura e educação musical da comunidade em geral, integrar e associar musicos uberlandenses às cenas da arquitetura dos santuários representativos de Uberlândia.

Todas as transcrições preparadas para o recital foram realizadas pelos intérpretes. Sendo obras de domínio público, as peças trabalhadas serão editoradas como um livro de repertório com partituras e tablaturas para violino e violão, com adição de dois instrumentos para as três faixas finais. A publicação física do livro de repertório e distribuição gratuita nos recitais de contrapartida irão servir para enriquecer o acervo de repertório para duo de professores e alunos dos Conservatórios e da UFU, além de atender a vasta comunidade virtual através da disponibilização gratuita do livro em PDF em nosso site.

Valorização da música instrumental histórica e arquitetura local

A grande propagação da informação multimídia pela internet tende a ser mal aproveitada pela população geral, e isso também se entende à estudantes de música. A disseminação de canções superficiais, de estética e valores questionáveis, perfaz o imaginário de nossos pupilos – o que nem sempre é supervisionado pela família, que na maioria das vezes não se familiarizou com um repertório diferente do proposto pela indústria cultural midiática. Cabe aos educadores musicais cultos, professores de música atuantes nos Conservatórios, a devida orientação sobre a natureza da música, uma arte presente na história dos seres humanos, abastecendo a cognição dos ouvintes com reflexões sobre as propriedades expressivas da música erudita e favorecendo um contato íntimo com sua história.

Em uma cultura obcecada pelo consumo de objetos culturais transitórios, principalmente os de baixo nível de elaboração técnica ou riqueza composicional, o valor da performance artística tende a tornar-se apenas um entretenimento distrativo. Ouvir a música histórica interpretada pelos professores em um cenário elevado pode significar uma experiência profundamente educativa, historicamente consciente, esteticamente reflexiva e até mesmo terapêutica para a mente dos ouvintes.

O repertório erudito de domínio público para violino e violão depende em grande parte de transcrições e arranjos, e através desta iniciativa, o duo formando por Gustavo Dias e Christhian Beschizza pretende promover repertório acessível com grandes nomes da histórica da música para dois dos instrumentos mais buscados nas instituições de ensino musical em geral.

 

Release

Gustavo Dias, é bacharelando em violino na UFU e violinista concursado da Orquestra Municipal de Uberaba. Como educador musical, atuou como docente dos Conservatórios de Uberlândia e Uberaba e na secretaria social da prefeitura de Uberlândia, bem como em projetos musicais diversos. Em sua trajetória artística, apresentou-se com diversas orquestras da região e também no estado de São Paulo. Seus trabalhos com violino são requisitados por vários grupos musicais regionais, gravando videoclipes, produções musicais e participando de diversos shows e eventos.

Christhian Beschizza é bacharel, licenciado e mestre em música pela UFU, onde se especializou em arranjos para violão. Enquanto docente, trabalha na área de cordas dedilhadas nos Conservatórios de Uberaba e Uberlândia e produz conteúdo didático para internet com edição de vídeos de repertório com partituras sincronizadas à interpretação. Sua trajetória artística conta com numerosos recitais de violão erudito, e atualmente é diretor musical do disco Contemplando a Harmonia, trabalhando com a música erudita em fusão com a música indiana, que recebeu incentivo do PMIC 2020. É também responsável pelo estúdio Alimento dos Deuses, onde trabalha como técnico de gravação e com pré-produção.

Público Alvo

O público alvo é a comunidade de alunos, professores e famílias que envolve o Conservatório Estadual de Música Cora Pavan Caparelli, os Conservatórios de Uberaba e Araguari, e o Curso de Música da UFU, e toda comunidade virtual que já seguem nossos trabalhos artísticos, mas também àqueles que passarão a conhecê-lo através desta iniciativa. Não há restrição quanto à faixa etária.

Os vídeos serão divulgados, tanto integralmente em um único recital quanto com recortes em cada uma das peças, no site próprio e canal do YouTube, com impulsionamento comissionado junto às redes sociais, atingindo um número de beneficiários de mais de 80 mil pessoas à longo prazo. As apresentações presenciais atingirão diretamente cerca de 300 pessoas.

Os WebClipes serão compartilhados gratuitamente nas redes sociais e plataformas virtuais, no YouTube e no próprio site do grupo. O livro de partituras será distribuído gratuitamente aos alunos e professores das quatro instituições públicas de ensino musical onde ocorrerão as contrapartidas sociais. Além disso, a divulgação online vai situar o objeto cultural representativo da linguagem universal da música erudita nas esferas digitais da internet, garantindo livremente a democratização do acesso sem restrição de tempo ou espaço.

Contrapartida Social

Iremos realizar uma pequena turnê de divulgação do projeto nas instituições públicas de ensino musical, invisionando difundir a cultura produzida na metrópole uberlandense também nas cidades ao redor, passando pelos Conservatórios de Uberlândia, Uberaba e Araguari e no curso de música da UFU. Durante esses recitais, disponibilizaremos os livros de partituras para o público específico. Anterior à apresentação, faremos um masterclass de música de câmara nos conservatórios, distribuindo 50 exemplares dos livros para alunos e professores em cada local visitado, totalizando a distribuição gratuita de 200 livros de partituras diretamente à comunidade e mais 10 à Secretaria de Cultura, sendo os 40 restantes divididos entre os participantes do projeto.
 

Detalhamento das Atividades

Livro: 250 exemplares simples de livro de partituras encadernado em tamanho A4, contendo todos os arranjos do repertório preparado para os WebClipes, com partituras das 13 peças para violino e violão, com tablaturas, sendo as três últimas também arranjadas para quarteto.

Áudio: Ensaios e Gravação no Estúdio Fundação Alimento dos Deuses, microfonado com condensadores em 4 canais em resolução 48khtz.

Mixagem e Masterização serão realizados no Estúdio Cheder Records

Vídeo: A filmagem conta com duas câmeras 4k, captados por Yuji Kodato. Posteriormente, áudio e vídeo serão submetidos à sincronização, edição, cor, e pós-produção por Lucas Mendonça para serem disponibilizados em qualidade 4k na internet.

Cada vídeo tem duração entre 2 a 14 minutos cada, duração total aproximada de 60 minutos.

Repertório

 

1. Sinfonia BWV 29 (J.S. Bach)

2. Ária Cantilena das Bachianhas nº 5 (H. Villa-Lobos)

3. Melodia Sentimental (H. Villa-Lobos)

4. Prelúdio das Bachianas nº 4 (H. Villa-Lobos)

5 - 6 - 7. Gnossiennes 1, 2 e 3 (Erik Satie)

8 - 9 – 10. Gymnopedies 1, 2 e 3 (Erik Satie)

11. Ave Maria (F. Schubert)

12. Prelúdio BWV 1007 (J. S. Bach)

13. Canon (J. Pachelbel)

14. Canção de Ninar (J. Brahms)

Arranjos

Os arranjos são realizados pelo Prof. Me. Christhian Beschizza, mestre em revisão crítica de repertório violonístico pela UFU e autor de diversos livros de repertório histórico com editoração de tablaturas para instrumentos de cordas dedilhadas.

É também responsável pela Fundação Alimento dos Deuses, estúdio onde desenvolve produção musical e edição audiovisual. Nosso portfólio completo de projetos está disponível no site:

www.alimentodosdeuses.com/producoes

Início

Fundação Alimento dos Deuses

Estúdio de Produção Musical

CNPJ 32.616.693/0001-38

Uberlândia e Uberaba/MG

2016-2020©